top of page

Porto Alegre tem tarde de brincadeiras para a criançada


A tarde desta quinta-feira, data em que se comemora o Dia das Crianças, foi de muita diversão em Porto Alegre. No Pontal Shopping, a atividade Fazendo Arte reuniu crianças que puderam aproveitar as oficinas conduzidas pelo Museu Iberê. Já na Cidade Baixa, uma atividade promovida pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil de Porto Alegre (Sticc) ofereceu brincadeiras e lanche para mais de 400 crianças. Além disso, a Casa de Cultura Mário Quintana, no Centro Histórico, também oportunizou momentos de sorrisos e lazer para os pais e filhos.


No Pontal Shopping, o objetivo da ação Fazendo Arte foi o de manter vivo o legado de Iberê Camargo. “A Fundação Iberê é nossa vizinha e entramos em contato com eles. Nossa ideia é trazer a parte educacional para as crianças. Montamos esse espaço aqui para eles e trouxemos os arte-educadores”, disse Luciano Abilio, do marketing do Shopping Pontal. A atividade segue até opróximo domingo e serão duas oficinas gratuitas por dia com temáticas de retrato, frotagem, carimbo, monotipia, pintura por módulos e outros.


Na esquina das ruas Olavo Bilac e José do Patrocínio, o Sticc realizou um dia com lanche, presentes e brinquedos infláveis para aproximadamente 450 crianças filhos de trabalhadores da construção civil. “Se a gente não pode fazer a diferença 365 dias no ano, que a gente faça, no mínimo, um dia. É muito prazeroso ver a alegria das crianças ao receber um brinde, felizes por estarem pulando, brincando. As crianças não são o futuro, elas são o presente”, ressaltou o presidente do sindicato, Gelson Santana.

O dia também foi bastante movimentado na Casa de Cultura Mário Quintana, onde pais e filhos puderam acompanhar atrações variadas. A Travessa Rua dos Cataventos recebeu a Festa da Leitura, que além de muitos livros infantis e infantojuvenis contou também com brinquedos para os pequenos. Fernanda Ferreira, moradora de Cachoeirinha, foi até o local com a filha Maria Julia, de 5 anos. “Achei muito legal, viemos para encontrar meu marido que trabalha aqui perto e, quando passei aqui, vi que tinha. Ela está adorando”, comentou a mãe.

Posts recentes

Ver tudo

Generalização quando falta argumentação

Caros companheiros e companheiras segue para leitura meu artigo publicado num dos mais importantes jornais do RS :O Sul. Um contra ponto ao artigo do jornalista Elio Gaspari que atacou a volta da cont

Comments


bottom of page